7 Ideias simples para divulgar um podcast

estudio de podcast

Estás a começar o teu podcast mas não fazes ideia como o promover o teu podcast? Neste artigo poderás consultar 7 ideias para divulgares o teu programa de podcast e conseguires aumentar a tua audiência!

(o texto que se segue é longo, mas está dividido por títulos para facilitar a tua experiência de leitura)

Criar um podcast pode ser dos processos mais divertidos e recompensadores mas de nada serve criares conteúdo se ninguém acede ao mesmo. Por esse motivo é super importante definir uma boa estratégia de marketing para promoveres o teu programa e selecionares as plataformas ou ideias que melhor servem a mensagem que estás a promover. Isto é, antes de tudo tens que conhecer bem a tua audiência (as pessoas que mais interesse terão no teu programa) e as plataformas que estas utilizam para obter informação. Posto isto também é importante que te questiones previamente, se o teu target está familiarizado com a tecnologia de podcast e se terás que fazer essa “educação” na promoção deste formato de comunicação. 

Seja qual for o ponto é fundamental que conheças a tua audiência pois é essa informação que irá ditar os passos seguintes na tua estratégia de promoção.. 

Se és uma mulher de negócios, provavelmente já utilizas algumas das ferramentas sugeridas (outras nem tanto), mas caso este mundo seja relativamente novo para ti, deixo em baixo uma listagem e ideias de como utilizar cada uma destas, que poderão ser uma boa ajuda para começar a promover o teu podcast!

1. Redes Sociais

Todos nós sabemos o quão eficazes são as redes sociais, no que toca a comunicar com as pessoas, criar pontes, e elevar um negócio no geral. Também para podcast, teres uma conta numa das plataformas disponíveis, pode ser igualmente valioso, seja para divulgar os teus episódios ou criar uma relação com a tua audiência e obteres feedback direto sobre o conteúdo que estás a criar.  

Uma dica muito importante: quando gravares os teus episódios usa e abusa das possibilidades, não graves apenas aúdio, faz vídeos das tuas gravações, seja online ou presencialmente, com o teu computador ou telemóvel (consegues fazer vídeos das tuas entrevistas ou gravações sozinha). A imagem funciona super bem para “vender” conteúdo nas redes sociais. Ao invès de colocares uma imagem estática com o teu aúdio (o que também poderás fazer), utiliza os teus vídeos para fazeres teasers dos episódios que irás lançar. Podes inclusive utilizar as tuas gafes, efeitos engraçados ou até colocar caixas sobre o video (caso utilizes as stories do instagram) para criar interação com a tua audiência. 

Para além disto as redes sociais também te permitem criar conversação sobre o episódio, pedir a opinião da audiência criar a tal interação que não é possível durante a gravação de um podcast, e até pedir sugestões de temas e convidados. 

2. Youtube

Sabias que o youtube é das plataformas mais utilizadas no mundo? Sabias que o youtube tem um algoritmo super aprimorado que apresenta conteúdos super afunilados aos interesses dos utilizadores? E que para além disto tudo é um motor de busca em si? 

Se vais gravar vídeo dos teus episódios de podcast tens que utilizar o youtube!

O youtube é a plataforma número 1 de vídeo no mundo, tem milhões de utilizadores, a forma como apresenta os conteúdos aos seus utilizadores é customizada e é um ativo, isto é, sempre que colocas um vídeo no youtube, o teu conteúdo fica a “render” no tempo. Significa: tens muito mais possibilidades de chegar a um maior número de pessoas realmente interessadas em ouvir os teus episódios. Plus sempre que alguém vê um vídeo sobre um tema semelhante, o teu vídeo pode surgir nas recomendações! 

Truque para iniciantes: numa fase inicial não terás audiência no teu canal de youtube pelo que deves incentivar a tua comunidade nas redes sociais e até mesmo no próprio áudio do podcast a assistir à gravação do episódio em vídeo no Youtube e a seguirem o teu canal, para receberem alertas sempre que um novo episódio é lançado. Podes inclusive advogar conteúdo extra que não surge no aúdio do teu podcast, as possibilidades são infinitas. 

Não te esqueças: otimiza bem a descrição do teu episódio, cria títulos com questões interessantes para incentivar a visualização e também os comentários. 

3. Email Marketing/Newsletter

Todos os anos algum “especialista” anuncia a morte do email mas o email está longe de estar morto. Pelo contrário, é das ferramentas mais utilizadas no mundo e com a % de “fidelização” mais longa. Ao passo que podemos andar a saltar de rede social em rede social e por norma o email é algo a s para a vida e que por isso te permite uma relação no tempo com a pessoa.

Utilizado de forma “smart” e equilibrada, o email marketing pode ter resultados excelentes e é uma forma independente de algoritmos, de  comunicar com as pessoas que realmente estão interessadas nos teus conteúdos. 

Como criar uma mailing list? Se já utilizas as redes sociais ou até o youtube, podes incentivar as pessoas a deixarem os seus emails por mensagem ou até no preenchimento de um formulário (o google drive tem uma ferramenta para criar formulários muito fácil de utilizar e que providencia um link que podes colocar na descrição do teu episódio, na descrição do vídeo do youtube e em qualquer rede social). 

No contexto de podcast podes sempre utilizar a tua newsletter ou o email marketing para divulgar convidados do podcast antecipadamente, contar novidades, revelar partes do episódio antes do lançamento, entre muitas mais ideias. 

Regra de ouro: não faças spam na caixa de email das pessoas. Pondera a quantidade de emails que tens que enviar por mês e o conteúdo que vais colocar. 

4. Parcerias

Seja qual for o formato do teu podcast, uma pessoa ou entrevista/conversa, é sempre bom teres em consideração de que forma te podes associar ou criar parcerias com pessoas, empresas, organizações, que promovam informação/serviços/produtos relacionados com os temas de que falas e que naturalmente sejam um bom fit para o teu negócio e valores associados e que tenham também já alguma visibilidade perante o público que queres alcançar. 

Uma estratégia que poderás utilizar é convidar para entrevistar no teu podcast pessoas com alguma visibilidade. Naturalmente irás beneficiar da presença dessa pessoa, tanto para agradar os teus ouvintes como para atrair novos. 

Algo que não é muito praticado em portugal e que poderás considerar, é efetuar parcerias com marcas, na troca de espaço publicitário no teu programa de podcast ou até um episódio para promover a mesma, garantindo que em troca tens retorno, isto é, promoção do teu podcast. 

Existem na realidade uma série de ideias que poderás explorar, mas lembra-te que um podcast não vive apenas de “stars” e acima de tudo deves privilegiar a qualidade do conteúdo, pois é este que irá fidelizar clientes. 

5. Cria o teu site

Nem só de redes sociais vive o homem e o Google é uma máquina de captar as pessoas com a intenção certa, isto é, de apresentar nos resultados de pesquisa os resultados (sites) que respondem melhor à pesquisa do utilizador. O que é que isto quer dizer para nós? Que se trabalharmos bem o conteúdo do nosso site temos maior probabilidade de ser “encontrados” sempre que alguém pesquisa por um tema sobre o qual estamos a falar no nosso programa de podcast. Agora, esta “ciência” de trabalhar sites para este efeito, a que nós geeks, chamamos de SEO, não é algo fácil e possivelmente precisarás de um profissional especializado para te apoiar com este processo. Seja como for um site não deixa de ser uma ferramenta importante não só para captar novos ouvintes que surjam através da pesquisa mas também como “casa oficial” do teu podcast. É mais profissional e atribui maior credibilidade ao teu trabalho. 

Se já tens um site, associado ao teu negócio, podes e deves adicionar uma página de destaque para o teu podcast para partilhares novidades e os próximos episódios. 

6. Anúncios Pagos

Se estás a pensar que “fazer anúncios é uma fortuna”, deixa-me dizer-te que não é bem assim. Hoje em dia com pouco dinheiro consegues correr um anúncio nas redes sociais como o Facebook e o Instagram, e ter um retorno interessante. 

Se estás a começar o teu podcast e queres aumentar a tua audiência podes sempre experimentar esta tática. Como se trata de conteúdo e não da venda de um produto, se conseguires comunicar objetivamente a tua mensagem e claro utilizando também uma linguagem visual apelativa, os anúncios poderão funcionar muito bem com pouco investimento (o investimento também irá depender do teu objetivo e de quantas pessoas queres alcançar, etc). 

Não te esqueças de algo importante: todos os anúncios têm que ser bem segmentados (idade, gênero, interesses, geografia, etc), pelo que é muito importante que conheças bem a tua audiência, para evitar desperdiçar dinheiro ao apresentares um anúncio à audiência errada. Faz o teu trabalho de casa e estuda bem o teu público! 

7. Listings de Podcast

Por último tens ainda as listas de podcast que no fundo são sites com listagens dos vários podcasts no mercado, por categoria, temas, países, etc. 

Podes sempre fazer uma pesquisa no google para perceber quantos destes sites existem e claro tentar submeter o teu podcast a aprovação para aparecer nas mesmas. Embora o retorno destas listas possa ser reduzido, é sempre mais local onde o teu podcast aparece featured e acredita em mim quando te digo que cada ouvinte conta! Se conseguires uma pessoa por cada site destes é já muito bom.

Entre estas sugestões tens muitas mais estratégias de promoção que poderás testar. No final do dia o mais importante é que mais que promoveres o teu conteúdo, te esforces por oferecer aos teus ouvintes o melhor conteúdo: interessante e com qualidade, e se possível que também proporcione uma boa experiência, isto é, que ofereça um som limpo, sem ruídos ou falhas de edição. 

Um ouvinte satisfeito é possivelmente por si só um promotor do teu conteúdo, que irá passar palavra ou partilhar os teus episódios, por  isso dedica o teu tempo a ler a tua audiência, a perceber se estão satisfeitos com o resultado e a melhorar a qualidade do teu podcast. É a garantia de uma audiência futura!

És uma mulher empreendedora e queres começar o teu podcast hoje? Conhece os serviços que temos disponíveis para te apoiar no estúdio de podcast GCREW!

Artigos relacionados:

Porque deves gravar o teu podcast no estúdio de podcast do clube?

Plataformas de podcast hosting: qual devo escolher?

Deixe uma resposta

Partilhar:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

Subscreve à Newsletter

Junta-te à Crew

Junta-te a nós e tem acesso ao social club mais inspirador de Lisboa!